Base do Samu é roubada e suspeitos levam equipamentos em SP

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Uma base do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi roubada na noite desta sexta-feira (12), no bairro de Santana (zona norte). Diversos equipamentos médicos foram levados por dois suspeitos armados, segundo informações da Secretaria da Segurança Pública.

De acordo com o boletim de ocorrência, por volta das 19 horas, um socorrista de 37 anos estava fazendo o checklist em um ambulância na Rua Mourão Vieira, no bairro Casa Verde (zona norte), quando foi abordado por dois homens armados que vestiam uniformes do Samu e questionaram onde estava o médico da unidade.

O socorrista informou que não havia médico no local, quando foi rendido pelos suspeitos e obrigado a dirigir a ambulância junto com a dupla até uma base do Samu em Santana, também na zona norte. Ao chegarem na base, os dois suspeitos renderam um vigilante de 48 anos que estava no local.

Segundo a pasta, após constatarem que não havia médico na base do Samu, os dos suspeitos exigiram a chave de uma das ambulâncias estacionadas no local e colocaram diversos equipamentos médicos; como respirador, desfibrilador e cilindro de oxigênio, no interior do veículo.

Os dois suspeitos amarram o vigilante em uma das salas da base e levaram o socorrista, que foi obrigado a dirigir a ambulância roubada até a Rua Saguairu, na Casa Verde (zona norte), onde descarregaram os equipamentos em um carro estacionado próximo, abandonando a vítima dentro da ambulância.

De acordo com a SSP, foi solicitado exame pericial do Instituto de Criminalística. O caso é investigado pelo 13ºDP da Casa Verde, que está com diligências em andamento para identificar e prender os autores do roubo e recuperar os equipamentos médicos roubados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui