Snapchat deixará de promover conta de Donald Trump

A empresa responsável pelo Snapchat, a Snap, anunciou que deixará de promover conteúdo compartilhado pela conta do Presidente dos EUA, Donald Trump. Esta decisão não removerá ou alterará as publicações, apenas as tornará mais difíceis de encontrar.

“Não amplificaremos vozes que incentivem violência racial e injustiça ao dar-lhes promoção gratuita. Violência racial e injustiça não têm lugar na nossa sociedade e estamos unidos a todos os que procuram paz, amor, igualdade e justiça na América”, pode ler-se no comunicado da empresa compartilhado pelo Engadget.

Em reação, o responsável pela campanha de Trump, Brad Parscale, acusou a Snap de estar “tentando manipular as eleições de 2020” e aponta que a empresa está usando o seu financiamento para “promover Joe Biden e reprimir o Presidente Trump”.

“O CEO Evan Spiegel prefere promover vídeos de motins de extrema esquerda e encorajar os seus utilizadores a destruir a América do que compartilhar palavras positivas de unidade, justiça e de lei e ordem do nosso Presidente”, afirmou Parscale.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui